Início > Ciências > Incríveis e misteriosos objetos antigos

Incríveis e misteriosos objetos antigos

Por Rafael

O que seriam esses objetos? Seriam provas de visitas extraterrestres, viajantes do tempo ou civilizações perdidas, tais como Atlantis ou Mu – ou talvez eles estão aqui para nos mostrar que alguns povos antigos eram muito mais avançados do que nós pensamos. Seriam civilizações tão avançadas, mas sem o discernimento da importância de se fazer uma boa catalogação e descrição de sua tecnologia? Ou pior, seriam civilizações avançadas que haviam catalogado seu legado, mas tudo acabou perdido pela precariedade da mídia utilizada, que sucumbiu ao tempo?

É difícil não se envolver no mistério e intriga desses antigos e enigmáticos objetos. Muitas vezes bizarras, a maioria das engenhocas simplesmente não podem ser explicadas pela ciência moderna.

O mecanismo Antikythera

Pode ser chamado de o mais antigo computador do mundo, criado 2000 anos de Bill Gates nascer. Na verdade o mecanismo de Antikythera é algo parecido com um relógio, corroído pela ferrugem, encontrado em meio à ruínas de um navio afundado. Sua construção foi até atribuída aos atlantis, povo da misteriosa ilha Atlântida, das tragédias de Platão.

Cientistas realizaram “tomografias” na peça e, remontando suas engrenagens descobriram que ela era capaz de predizer eclipses solares e dividia o calendário em ciclos de 4 anos. Atualmente atribui-se o mecanismo ao célebre astrólogo e engenheiro Arquimedes.

Data-se a peça como sendo do ano 100AC. Acredita-se que muitas outras podem ter sido produzidas, apesar de nenhuma outra ter sido encontrada.

Encanamento de Baigong

Os canos de Baigong são canos de ferro enferrujado, vermelho, que ligam uma pirâmide no topo do Monte Baigong, a 60m de altura, a um lago de água salgada  proximo a ele. Não seria tão bizarro se os cientistas não conseguissem chegar a uma data precisa, mas tudo indica que eles estão lá a milhares de anos (muito antes das primeiras instalações de saneamento na moderna Europa).

O local é conhecido popularmente como “relíquias extraterrestres” e é, por sua elevada altitude e ar fino e cristalino, considerado ideal para praticar astronomia.

O dodecaedro romano

Este objeto romano, de bronze, tem o tamanho de um punho fechado e muitos já foram encontrados na França, Suíça e Alemanha. O que fascina é que os arqueólogos não conseguem achar uma utilidade para o artefato. Muitos estão cobertos por símbolos, alguns indecifráveis, outros relacionados ao zodíaco.

Algfuns cientistas acham que são ferramentas cartográficas, outros, meramente castiçais estilosos. Não poderiam ser d12 da antiguidade?

Disco de Phaisto

Isso não é uma bolhacha Maria. É feito de barro e não se sabe muito a respeito dele. Ele remete a 2000 AC e sua origem, significado e finalidade permanecem um mistério.

Descoberto em Creta, o disco tem 241 “inscrições” de 45 símbolos diferentes, sendo que alguns são facilmente identificáveis como pessoas, ferramentas, plantas e animais. Uma vez que nada como esse disco, sendo do mesmo perído, foi encontrado, os arquiólogos não possuem muita coisa para dizer a seu respeito.

Bateria de Bagdad

Que utilidade teria uma bateria numa época em que aparelhos eletrônicos não existia? Encontrado no Iraque, perto de Bagdad, a bateria é um pequeno pote de barro, com uma haste de ferro suspensa no interior de um cilindro de cobre, tudo fechado e selado com uma espécie de asfalto.

Réplicas provaram que a bateria teria mesmo capoacidade de gerar certa quantidade de energia, mas para quê a energia era utilizada ainda é uma incógnita.

Manuscrito de Voynich

Ainda hoje não se sabe dizer se o manuscrito de Voinich é uma prova de uma civilização antiga avançada, ou um embuste muito bem elaborado.

Este livro, totalmente manuscrito, contém desenhos e códigos que nenhum criptógrafo no mundo conseguiu quebrar. Ele data do séc. XV e foi descoberto pelo negociante de livros Wilfrid Voynich em 1912.

Se for uma farsa, é incrivelmente convincente, dada a fluidez do texto escrito, comparado estatisticamente com a  linguagem utilizada à época.

Sudário de Turin

Um pano de linho, onde se pode ver, bem fraquinho, um homem, com ferimentos de uma suposta crucifixação tem sido o centro de devoção e polêmica desde que foi descoberto na Idade Média.

O sudário poderia ser a mortalha fúnebre de Jesus, mas análises do carbono 14 mostram que o sudário teria sido feito entre 1260 e 1390DC, o que leva a crer que seria falso. O teste foi contestado, pois o sudário esteve em uma igreja que incendiou e sua foligem poderia ter alterado os dados que o carbono revela.

As esferas gigantes de pedra da Costa Rica

Essas pedras são perfeitamente redondas e algumas chegam a ter 2 metros de diâmetro e podem ser encontradas por todo delta do rio Diquis e na ilha Cano, na Costa Rica.

Pesando até 16 toneladas, é dificil imaginar como humanos teriam movido essas gigantescas esculturas talhadas em granodiorito duro, considerando que a fonte de granodiorito mais próxima fica a mais de 80 km de distância dali.

Mais de 300 delas estão espalhadas pela Costa Rica, mas ainda não se sabe quem as fez e porquê, 1000 anos AC.

Artefato de Coso

Quando uma vela de ignição datando 500000 anos foi encontrada encrostada dentro de uma rocha, os arqueologistas simplesmente piraram. Havia 3 alternativas: 1) a prova de uma antiga e evoluída civilização (Atlântida?); 2) extraterrestres visitaram a Terra na era dos dinossauros; 3) viajantes do tempo deixaram indícios de sua visita no passado. Todas as 3 alternativas são no mínimo absurdas, é claro, mas os cientistas não têm sido capazes de encontar nenhuma solução, ainda mais que o artefato de Coso desapareceu na década de 80 e não é mais possível fazer nenhuma análise.

A moeda de Maine

Essa moeda Norse genuína, do século 11, foi encontrada com os nativo-americanos do estado de Maine, EUA em 1957. Ela pode ser uma prova de que os Vikings andaram em solo americano muitos anos antes de Cristóvão Colombo. Os cientistas ainda têm duvidas, pois este foi o único artefato Viking encontrado, não dando idéia de um real contato com os nativos da região.

About these ads
  1. Domênico
    05/06/2010 às 22:39

    Como profundo “gostador” de mistérios inexplicáveis, não posso deixar de fazer alguns comentários:

    Dodecaedro romano: À que se levar em consideração que os romanos herdaram dos gregos uma paixão por matemática e geometria. Inclusive à pouco tempo apareceu um dado romano de pedra de 12 lados – e esse dodecaedro também seria um d12, não um d20… – que inclusive está à venda por alguns milhares de dolares… Há muuuitos exemplos de esculturas, utencilios e objetos cotidianos que usam figuras geométricas mais complexas que o simples cubo (o nosso d6, pra quem não liga o nome à pessoa, imediatamente…) que, expecula-se, eram usados como caixas de instrumentos de navegação/astronomia, porta-velas e mesmo peças de jogos comuns.

    Disco de Phaisto: É só uma forma de biscoito antiga…. Heheh!

    Bateria de Bagda: Só um complemento: A primeira delas foi encontrada nas ruínas de um vilarejo em Parthian, Iraque, entre 248 a.C. e 226 d.C.

    Manuscrito de Voynich: É considerado uma fraude. Considera-se que foi usado para enganar um regente alemão nos idos do século 17 (se não me engano). A dataçõ inclusive mostra que a escrita e as figuras são de uma cor, e a “colorização” é posterior. Tantos criptografos já tentaram sem sucesso decifrar o manuscrito que resta pouca chance de que seja uma linguagem criptografada que faça qualquer sentido.

    Sudário de Turin: Não sei porque as pessoas ainda classificam essa coisa como possível “artefato religioso” ou o que valha. Só o fato de ele ter sido usado pra, teoricamente envlover o corpo de um possível Jesus, mas ter uma figura em apenas duas dimensões – como uma chapa de raio-x ou uma foto – já destrói a credibilidade dessa tralha.

    Esferas da Costa-Rica: Eu pessoalmente aposto que eram usadas erm algum tipo de jogo de bocha pré-histórico (ah, elas pesavam toneladas? Então o jogo devia envolver vááários competidores, ou ser realizado em encosta de colinas!)…

    Artefato de Coso: Logo depois de ter sido inspecionado por uma equipe de mecânicos e engenheiros que afirmaram que o objeto era certamente uma vela de ignição usada no modelo T, o mesmo misteriosamente sumiu. Detalhe: A datação de carbono 14 foi feita apenas na pedra que envolvia o objeto, mas nunca no objeto em sí…

    • 05/06/2010 às 23:04

      Bah que feio… tomara que nenhum aluno meu veja isso… Vou arrumar pra não ficar feio e, se verem, vale a lição: “a pressa é inimiga da perfeição”. Fiquei olhando a figura e errei o número de lados… troquei dodecaedro por icosaedro… falha minha. Essa desse d20 de pedra eu já tinha lido, mas não sei se é fraude. O certo é que a geometria romana era bem evoluída e eles praticavam muitos jogos de tabuleiro, por isso pode até ser verdade.

      O Disco de Phiasto eu também acho que um biscoito gigante…

      Sobre a bateria, não cheguei a ler muita coisa sobre ela. Obrigado pelo adendo!

      Eu li que o manuscrito era uma fraude… mas coloquei mesmo assim pra chamar atenção hehehe. É uma fraude, mas foi um artefato durante certo tempo… hehehe. Assim como o sudário, os 23 dedos da mão direita de São Jorge, os pedaços da cruz de Cristo (que já vi pra vender até no Mercado Livre!). Coloquei-os como “artefato misterioso” pela história que os circunda.

      Eu pensei que as esferas eram bolinhas de gude… só de gigantes… aquela raça de gigantes da Costa Rica, sabe? Aquela bem alta e tal… Sabem qual é né?

      O artefato de Coso coloquei mais de curioso que fiquei. Há um monte de texto afirmando a veracidade da coisa. Tem gente que bola teorias incríveis em torno dela!

      Valeu as dicas Domênico!

    • 24/08/2011 às 18:05

      Datação de carbono 14 em Lítico?
      Nops.
      Somente pela camada estratigráfica ou em material orgânico da mesma camada.
      PS: tá bem, to dando uma de historiador chato.
      heheh

  2. Domênico
    07/06/2010 às 11:59

    Ah, aquela raça que depois migrou lá pra ilha da páscoa? Pois é… Eles devem ter esquecido as bolinhas de gude na Costa Rica!

    Esse artefato de Coso tem bilhões de fãs na internet. Já lí teorias sobre ele ser na verdade parte de uma espécie de sistema de radar, por exemplo – porque usa-se uma peça bastante similar à uma vela de ignição como essa nos sistemas de radar atuais – e um monte de teorias ainda mais esdrúxulas. O problema da internet é que as pessoas levantam teorias baseadas em conhecimento nenhum, daí mais gente lê, cria mais teorias…. E acaba ficando muito difícil de achar qualquer tipo de informação realmente confiável.
    Malditos tempos modernos…

    Hora dessas vou fazer um post com mais uns objetos que eu acho bastante interessantes e que não têm explicação, se não tiver problema!
    (como eu disse, adoro mistérios misteriosos!)

    • 07/06/2010 às 22:00

      Beleza Domênico! Eu também já tenho outra listinha de mistérios misteriosos. Inclusive estou tentando montar uma só sobre mistérios misteriosos em Pelotas. Vou aguarda a tua pra depois postar a minha!

  3. 12/06/2010 às 15:55

    Esses artefatos antigos são bem interessantes, mas só porque não se sabe o que eles fazem, não que dizer que els tenham sido um presente dos zeta-reticulianos ou dos incas venuzianos.
    E para que acha que os seres humanos “não poderiam” tê-los criado, eu recomendo o documentário “As Grandes Invenções Chinesas”, que passa seguido na TV Escola.
    Ali mostra diversas invenções, como a hélice (chamada por eles de “libélula de bambu”, que era usada pelas crianças como o antigo pirulito Piro-Cóptero), o carrinho de mão (boi de madeira), a bússola, o giroscópio, o escapo (mecanismo que faz os ponteiros de um relógio funcionarem), o gatilho da besta, o “míssil” movido a pólvora, entre muitoas outras invenções, tudo isto há centenas e até milhares de anos atrás.
    Mas se tem gente que gosta de procurar chifre em cabeça de galinha, tudo bem…

    • 16/06/2010 às 16:14

      Eu vi esse documentário. É muito bom, muito interessante e dá muita margem pra inspiração em RPG hehe.

      Eu sinceramente não vinculo os mistérios aos incas venuzianos, pois isso é do teu tempo e eu nem era nascido, mas ninguém pode dizer que vários ETs de Vargínia não andaram por aqui antes espalhando objetos misteriosos pelo planeta só pra nos deixar intrigados…

  4. ana
    14/11/2010 às 10:09

    Olá, tenho objetos antigos para serem comercializados. Bules, tirrina, licoreira, açucareiro, saleiro, relógio de mesa, relógio Kuko. Vcs tem interesse? guardo contato. Obrigada.

  5. Alex
    19/02/2011 às 13:08

    Pra mim o Disco de Phaisto pode ser algum tipo de diário.

  6. 0419
    05/04/2011 às 14:45

    Na minha opiniao o disco de phaisto é uma especie de catalogo biologico

  7. 14/12/2011 às 07:34

    não gosteii por que fala couisa que não encaixa!

  8. itamara
    24/05/2012 às 11:27

    incrivelmente incrivel!!!!!!!!!!!

    • 24/05/2012 às 12:59

      Valeu Itamara. Também acho incrível!

  9. james
    03/07/2012 às 16:02

    tem muito valor a postagem, primeiro que colocar a imagem ajuda a cada um tirar sua propria conclusao,chamo isso de livre arbitrio ,dai vem os demais valores .Mas como tambem sou critico de qualquer explicação simplista ,(não faço uso da navalha de Ocan) ,pergunto: porque tudo que não se pode explicar o uso ,tem que ser parte de uma peça de jogos ? ou comida ? ou uma farça?

    • 04/07/2012 às 08:20

      Obrigado por participar, James. Acredito ser da natureza do homem buscar a resposta de tudo que nos intriga. Objetos com esse, que aparentemente não fazem sentido para nossa civilização, precisam de uma utilização lógica na sociedade em que foram criados. Por isso a busca por uma resposta e, na falta dela, atribuições à farsa ou brincadeira, mesmo que temporariamente. Aproveita e dá uma olhada aqui também: http://fantasticocenario.com.br/2011/04/05/incriveis-e-misteriosos-objetos-antigos-parte-2/
      Abraço!

  10. Marcos
    21/09/2012 às 11:32

    As esferas gigantes da Costa Rica são comprovadamente naturais. São fragmentos de rocha que se destacaram de um maciço rochoso e ao longo de milhares de anos vão sendo carregados através de rolamento por rios, ou enxurradas, e neste processo vão tendo suas arestas aparadas, ao mesmo tempo que são polidas.
    Existem diversos exemplos de rochas com forma esférica em vários locais do mundo, e de diversos tamanho. Inclusive, no Estado do Espírito Santo, cidade de Ibiraçu, existe um exemplo destas “esferas” numa lanchonete no meio da cidade.

    • 21/09/2012 às 20:23

      Obrigado, Marcos, pela colaboração. Esses mistérios me fascinam, mas com certeza tem explicação para tudo!

  11. 15/06/2013 às 13:58

    não acredito que esta face pode ser de jesus.ninguém nos dias de hoje nunca viu a face de jesus.não confundam a mente das pessoas colocando mentiras.sou ADVENTISTA

    • 15/06/2013 às 14:33

      Hehehe tá bem Kaísa. Prometo não confundir mais ninguém. ;)

    • Nome; Loba da Noite
      01/04/2014 às 08:04

      Na sua mente simplista vc acha que Jesus loirao, ele não pode ser moreno ou negro, levando se em conta que ele era judeu, a sim judeu loirao como os da TV globo, pode sim o sudário de Turim ser uma farsa como pode não ser, a controvérsia entre os especialistas, e vc se ofende com a face de quem vc não conhece por preconceito, judeu não e um povo muito bonito, tem nariz grande e pele morena, eu sou filha de mãe judia 4 gerações de ventre sei o que falo, meu bem não existe Jesus loirao.

  12. Alex sandro ferreira pahim
    03/12/2013 às 00:30

    Parabens a melhor pagina de curiosidades que eu ja li.

  13. 21/12/2013 às 19:37

    muinto legal. muinto interessante.

  1. 05/04/2011 às 00:33

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 338 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: